Covid-19 avança em São Luís com mais de dois terços dos casos de contaminação e dos óbitos

Pesquisa do IBGE atualizada hoje e voltada exclusivamente para o Covid-19, mostra que o problema em São Luís é merecedor de uma grande atenção, que precisa ser enfrentado com muita determinação, seriedade e transparência pelo poder público.

De acordo com os dados levantados pelo IBGE e atualizado com data de hoje (22) já foram registrados em nossa capital, 6.639 casos de contaminação; foram a óbitos 448 pessoas e na incidência por cem mil habitantes atingiu 602,5; letalidade de 6,7% e mortalidade por cada cem mil habitantes atingiu 40,7.

Por outro lado, o Estado tem registrado 16.058 casos de contaminação; 663 óbitos; incidência por habitante de 227,0; letalidade de 4,1% e mortalidade por cada cem mil habitantes 9,4.

Observando-se a pesquisa feita na capital e no interior, São Luís detém mais de dois terços de todos os casos de contaminação no Maranhão e também dois terços dos óbitos com um total de 448 mortes. Quanto a incidência por cem mil habitantes é superior em quase 80%; A letalidade é superior a 50% e a mortalidade por cada cem mil habitantes é quatro vezes maior.

A pesquisa do IBGE mostra claramente que o problema de avanço do covid-19 em São Luís é bastante preocupante, não restando dúvidas, de que se fazem necessárias providências com ações rigorosas para o enfrentamento ao novo coronavírus. É necessário, que os  interesses políticos partidários e os discursos autoritários sejam deixados de lado imediatamente e que haja efetivamente um trabalho sério, responsável e transparente contra a cruel realidade. A prefeitura que vem enfrentando acusações de práticas ilícitas na administração da Secretaria Municipal de Saúde, precisa mostrar realmente a cara e deixar a politicagem de protecionismo a candidatos de lado. O Ministério Público Eleitoral precisa ser mais vigilante, diante de que a pandemia não seja utilizada como cabo eleitoral de candidatos.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *